Glossário fashion: significado dos termos usados na moda

Você já deve ter percebido que, quando falamos de moda, existem muitos termos em que seu significado não fica tão explícito. Sem contar que, em muitos casos, as palavras são trazidas em inglês, então se você não entende a língua, pode ficar meio perdido. Mas nós vamos te ajudar!

Separamos uma lista com algumas palavras e expressões que consideramos as mais importantes para estar antenada no mundo da moda e vamos explicar cada uma. Assim você não fica por fora de nada, nem mesmo do que falamos aqui no blog. Separe o caderninho ou o bloco de notas e anote para não esquecer mais.

  1. Moda sustentável

Dá-se esse nome à moda que se preocupa com o meio ambiente e sua preservação. Neste caso, a indústria busca reduzir a retirada de matéria-prima da natureza e a quantidade de poluentes liberados em todas as etapas de produção. O mais legal é que esta prática não leva em consideração apenas os aspectos ambientais, mas também os sociais e econômicos!

  1. Slow fashion

Este conceito acontece em contrapartida ao fast fashion, seguido pelas grandes marcas e pelas lojas de departamento, por exemplo. Nele são desenvolvidas peças atemporais e de maior qualidade e durabilidade, para que uma mesma peça de roupa te acompanhe por anos.

Se você quer começar a consumir de modo consciente e respeitando o meio ambiente, o slow fashion é o caminho! E se quiser saber mais sobre o assunto, entre neste outro texto do nosso blog, você vai adorar.

  1. Moda circular

Este é O conceito para o Toma, Agora É Seu. Sabe por quê? Porque a moda circular permite que sua roupa continue sendo usada até que seu “ciclo de vida útil” realmente acabe, ao invés de ser interrompido na metade.

Ninguém aqui está falando para você usar suas peças de roupa até rasgar se ela não combina mais com você, ok? O que estamos dizendo é que, se você não usa mais, passe para frente (e a melhor forma de fazer isso é doando ou vendendo suas roupas aqui no Toma).

  1. Eco-friendly

Traduzindo do inglês, eco-friendly refere-se a prática “amigável ao meio ambiente” e segue o mesmo conceito de moda sustentável e consumo consciente. O movimento é voltado para a preservação do meio ambiente, por utilizar de alternativas que causam menores impactos na natureza.

Se você quiser adotar o conceito na sua vida, seguem algumas dicas! Leve ecobags ao fazer compras para substituir os saquinhos plásticos, consuma mais produtos orgânicos e veganos e prefira marcas que trabalham com tecidos vegetais, tingimentos naturais e fontes biodegradáveis ou renováveis. Vai planeta!

  1. Zero waste

O conceito de “desperdício zero” nos leva ao aproveitamento correto dos resíduos recicláveis e orgânicos. Pense com a gente, de quase nada adianta fazer uma embalagem que tenha uma parte reciclável e a outra não, por exemplo. Isso porque ela dificilmente será, de fato, reaproveitada na reciclagem.

O zero waste também se aplica à produção das roupas, então fique atento e busque marcas que tenham essa preocupação. Um exemplo de como os resíduos têxteis podem ser aproveitados é para fazer enchimentos ou patchwork, como o da foto abaixo.

  1. Upcycling

Apesar de não ter tradução para o portugês, o upcycling é a ideia de reutilizar materiais já existentes para a criação de novos produtos. O legal é que aqui a capacidade criativa depende do limite da sua imaginação! Já ouviu falar de roupas que foram feitas com garrafas pet ou pneu, por exemplo? Se sim, então você sabe o que é upcycling. 😉

  1. Must have

A tradução literal deste termo já diz tudo: “deve ter”. Portanto, se você ler ou ouvir sobre a “bolsa must have do momento”, por exemplo, isso quer dizer que uma bolsa específica virou tendência e que você precisa tê-la no seu armário.

Mas lembre-se, nosso objetivo é contribuir para uma moda circular, sustentável e afetiva, portanto nem sempre o que virou tendência é algo que realmente você precisa ter. Às vezes você nem gostou tanto daquele item, mas o compraria mesmo assim só porque todo mundo está usando.

  1. Minimalismo

O minimalismo pode ser entendido tanto dentro como fora do mundo fashion. No geral, ele é um conceito que significa o ato de simplificar as coisas: os looks, as estampas, as modelagens, o modo de vida e até a decoração do seu lar, por exemplo. Mantenha apenas o que é realmente essencial e você fará parte deste movimento.

  1. It Girl

São as mulheres bem antenadas no mundo da moda e que têm um estilo que ditam tendência. Sabe aquela blogueira ou influencer que pode postar sobre qualquer coisa que você já vai querer comprar em seguida? Então, ela é uma it girl.

O conceito “it” pode ser aplicado para tudo dentro da moda, como “it bag”, por exemplo. Quando usamos junto a um objeto, significa que aquele modelo é a tendência do momento, como a Glass Swipe no começo deste ano.

  1. Trend

Trend = tendência! Então já sabe, não é? Se ouvir que algo é trend quer dizer que está na moda naquele momento. No entanto, da mesma forma que alertamos na explicação do termo “must have”, se você quer fazer a sua parte em relação ao meio ambiente, não é porque alguma peça de roupa (ou o que for) é tendência, que você precisa comprá-la.

Pronto, agora que você está por dentro dos termos mais importantes usados dentro do mundo da moda com o nosso glossário fashion, que tal ler sobre o conhecer sobre o greenwashing? Explicamos tudo sobre ele no nosso blog!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.