5 momentos que transformaram a moda

A moda é uma forma de expressão e sempre reflete o convívio e as crenças da sociedade de cada época. Na história da moda existem vários momentos icônicos, mas houveram alguns responsáveis por transformarem toda a indústria. Conheça 5 deles no post de hoje!

  1. Fim do espartilho

Apesar da estética do espartilho ter voltado à moda entre os millenials e geração Z,  essa foi uma peça que aprisionou as mulheres a partir do século XVI, quando foi criada. O objetivo do espartilho era moldar o corpo, sustentando os seios, afinando a cintura e melhorando a postura feminina.

Em 1906, Paul Poiret apresentou uma nova modelagem de vestido, libertando as mulheres do espartilho. Como a peça era usada como roupa íntima, essa inovação também permitiu às mulheres o uso de cinta-liga e sutiã.

2. “Little Black Dress” na Vogue

A estilista Gabrielle Chanel (Coco Chanel), em 1926, criou o vestido que seria essencial no guarda-roupa de qualquer mulher. Na época, o preto era usado apenas em ocasiões de luto, por isso a criação deste clássico se tornou um momento icônico na moda.

Foi na década de 30 que o vestido se tornou popular e desejado por todas. O sucesso se deu, principalmente, pela Grande Depressão, por conta da simplicidade do modelo em um momento em que se buscava acessibilidade.

3. Christian Dior cria o “New Look”

A história da moda foi marcada em 1947 com a apresentação do “New Look” na coleção “Corelle”. Para esse novo período, Christian Dior desenvolveu saias na altura do tornozelo e rodadas, vestidos volumosos, ombros à mostra e peças com cintura definida.

4. Yves Saint Laurent une a moda e arte

Yves Saint Laurent abriu os patamares da moda, com destaque para sua coleção de 1965, no qual utilizou-se da arte tradicional para compor seus looks. Um exemplo foi o vestido Mondrian, feito de jérsei branco, com silhueta reta, linhas na vertical e horizontal e cores primárias, fazendo referência à obra do cubista holandês Piet Mondrian.

5. Primeiro jeans nas passarelas

A marca Calvin Klein marcou a história em 1976 ao levar, pela primeira vez, a calça jeans para a passarela, indo contra vários conservadores da época. O nome “denim”, matéria-prima do jeans, é, na verdade, a abreviação de “tecido de Nimes”, que faz referência ao tecido de algodão sarjado, robusto e durável, desenvolvido na cidade de Nimes, no sul da França, em 1792.O que você achou destes marcos na história da moda? Temos certeza que pelo menos um deles foi novidade para você, então nos conte o que achou lá no nosso Instagram, vamos adorar saber. E se quer saber mais sobre o mundo da moda, inscreva- se na nossa newsletter no final desta página. Até o próximo conteúdo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.